Mais um casal feliz!!!

Semana passada toca meu celular e do outro lado uma mulher, me pergunta se saio com casais, se gosto, respondi q saio bastante e adoro, marcamos no domingo a tarde no Prestige.

No dia seguinte, eles me passaram o número do quarto e fui ao encontro deles, cheguei ao motel, entrei e eles estavam tomando um vinho, hummm era um casal interessante! Ela loira alta, com uns 30 anos, olhos castanhos, bonita de rosto e um corpo bem gostoso. Ele era loiro, devia ter uns 35 anos, era alto, tinha um corpo bem conservado, um olhar penetrante e os dois bem perfumados… kkk Adorei!!! Nos apresentamos e eles me ofereceram uma taça de vinho, enquanto batíamos papo, me contaram que fazia tempo que estavam com vontade de sair, mas tinham medo de não gostar da menina e ela não gostar de verdade de sair com casal. Olhei surpresa e falei, Adoro só não gosto de sado e algumas bizarrices. A mulher, que deu o nome de Ana, era mais falante e confirmou que eles também não gostavam disto, fomos descontraindo e perguntei de quem era a idéia de sair com uma garota de programa e Ana disse que foi idéia dele, ela aceitou com a condição que daria a palavra final. Perguntei por que ela, e ela me respondeu, por que eu também quero ter atração pela mulher e me encarou..Logo entendi que ela queria muito transar comigo e nisso se levantou, chegou perto de mim, disse para ficar à vontade, depois me abraçou e me deu um longo beijo, suas mãos passaram a percorrer meu corpo e a tirar minha roupa, adorei o beijo e ficamos nos beijando muito, sentindo uma o corpo da outra, ela se agarrou nos meus peitos e chupou com vontade, o perfume de Ana era gostoso e não muito forte, sua pele macia. Enquanto nos dirigíamos à cama eu a olhei andando por traz, era uma mulher de 30 anos muito atraente, sua bunda daria tesão em qualquer homem.

Deitamos na cama e passei a beijar seu corpo, comecei pelo rosto e desci pelo pescoço até seus seios, os bicos eram duros e gostosos de lambê-los, Ana já se agitava e gemia baixinho, desci mais, passei pela barriga e cheguei até sua buceta completamente raspada, ela abriu as pernas e generosamente escancarou os grandes lábios rosados, passei a lamber devagarinho, lambia seu clitóris e ela se retorcia de prazer. Eduardo ficou por perto só nos olhando, Ana gemia cada vez mais e logo foi perdendo o pudor, talvez até por não perceber mais a presença do marido. Olhei para o lado e vi Eduardo já sem cueca, sentado no sofá, batendo uma pra nós. Nossa… De longe dava pra ver que era uma senhora pica com uma cabeçona que se destacava. O rosto de Ana se transformou contraindo todos os músculos, sua boca se contorceu para um lado e só escapou uma expressão sussurada e tremia violentamente: Que delíciaaa… Vou gozar…Quando ela relaxou eu subi por cima dela e ela me deu um beijão na boca.Eduardo veio até a cama já sem roupa e sentou na beirada da cama, Ana disse querido agora é tua vez de ter prazer.E eu pensei: “sou um objeto de prazer”…, mas vou aproveitar esta pica. Ana foi para o sofá onde antes estava Eduardo, enquanto na cama começava a segunda parte. Eduardo era um homem interessante, tinha um corpo bem feito, era alto, cheirava gostoso e tinha uma pica maravilhosa. Eduardo viu que eu a olhava fixa e ele trouxe-a até perto do meu rosto dizendo: – Você quer meu pau?

Brinca com ele então, passei a mamar naquela pica, nem vi o resto eu queria tê-la na boca, ela estava muito dura de tanto tesão provavelmente pela cena anterior, eu queria que ele me chupasse e me deitei abrindo completamente as pernas, Eduardo entendeu e passou a me chupar, sua língua macia passou a me dar muito prazer, chupou muito meus peitos, colocou o preservativo e se encaixou entre minhas pernas, lentamente meteu aquela pica, logo eu tinha aquele homenzarrão me socando forte, minha nossa, ele me colocou de quatro e voltou a me fuder muito. Ana chegou perto pra olhar e falou vai eu deixo, quero te ver gozar assim. Eduardo se excitou com as palavras da mulher e passou a me estocar cada vez mais forte, sentia seu quadril bater em minha bunda, suas gotas de suor caiam nas minhas costas, eu me masturbava com uma das mãos e gozei muitooo enquanto Eduardo me comia, num determinado instante senti seu corpo colar ao meu, Eduardo gemeu e gozou, sua pica era tão grossa que eu conseguia sentir as contrações da ejaculação. Tomamos um banho e o casal saiu feliz pela fantasia realizada.

Posts Em Destaque